• raquelandreatta

O GLAMOUR ROMANTIZADO DAS REDES SOCIAIS E A REALIDADE DE MORAR FORA DO PAÍS

Bem amigos o tema do post de hoje é um pouco de desabafo pessoal. Nas últimas semanas tenho observado algumas coisas que julgo muito importantes de serem pontuadas.


Primeiramente agradeço imenso a cada um de vocês que têm dispensado o seu tempo para vir até aqui ler o que eu tenho a compartilhar. Tudo que eu escrevo é mesmo do fundo do meu coração e com a intenção de lhes ajudar de alguma forma. Acredito muito que a troca de experiências e vivências pode aproximar as pessoas e isso tem feito-me muito bem.


Para mim é uma oportunidade de reviver momentos e colocar para fora tanta coisa que tenho guardada aqui s2


Em meio a tantas mensagens de carinho e elogios vindo de vocês não pude deixar de notar que tenho uma responsabilidade (como todos nós) mas especialmente sinto-me no dever de ser muito verdadeira com vocês, pois esse sempre foi o meu propósito quando criei esse Blog: informar com verdade.


Observei com mais intensidade algo que eu já sabia existir mas que tem sido mais presente nas últimas semanas: o glamour romantizado das redes sociais.


É extremamente normal o desejo de mostrar ao mundo a nossa melhor versão, postando as nossas melhores fotos, no nosso melhor ângulo, nos dias mais lindos. As coisas boas da vida devem ser compartilhadas. Mas existe um problema nisso tudo: a vida de verdade não é o nosso feed do instagram/facebook. A vida de verdade são todos os dias. E todas as vidas têm dias de sol e dias de chuva. Dias de luta e dias de glória. É assim para todo mundo. Não existe uma pessoa no mundo que não esteja com algum problema para solucionar, alguma questão para resolver.


Percebi que esta ferramenta precisa ser usada de forma muito responsável para que não criemos sensações de perfeição ou sucesso falso nas outras pessoas e, ainda pior, não comecemos nós próprios a virar reféns desta plataforma e das “mentiras” que por aqui propagamos.

A mania de mostrar o lado perfeito das nossas vidas pode nos fazer acreditar que nos resumimos a isso, o que acarretará um atraso na nossa própria evolução, pois aquilo que nos leva para frente e nos faz crescer não é e nem nunca será a parte maravilhosa da nossa vida e sim os nossos problemas e fraquezas. São eles os verdadeiros responsáveis pelo nosso amadurecimento. Não existe crescimento sem dor. Fato!


A vida do lado de cá do oceano não é perfeita, não é glamurosa, não é de puro sucesso. O sucesso, acredito eu, não é algo externo. Não é o mundo que vai um dia lhe dizer que você faz sucesso. Se você está esperando por esta aprovação para ser feliz e se considerar realizado e importante eu tenho uma péssima notícia para você: esse dia nunca chegará.


Fazer sucesso é algo extremamente pessoal e subjectivo. É uma energia que você transmite quando você mesmo é capaz de acreditar em si. Quando você mesmo está satisfeito com a pessoa que você é respeitando a sua própria evolução. Temos o universo dentro de nós e todas as potencialidades positivas e negativas do mundo. É tudo uma questão de energia vibracional e força para fazer acontecer.


A vida é uma caminhada. Não existe um ponto de chegada que lhe fará feliz ou realizado. Se você não está contemplando cada passo desta caminhada você está perdendo tempo.

Óbvio que é importante ter objetivos na vida, metas a serem alcançadas e realizadas, intenção nas ações, para que a vida possa fazer sentido.


Mas não é só isso. É preciso sim ser apaixonado por resultados mas se você não amar a execução das tarefas que o levará a determinado resultado algo está errado.


Morar em outro país e longe da família, amigos e do porto seguro é uma linha tênue. É ter oportunidade de abraçar o mundo, conhecer lugares novos, viajar, conhecer culturas, aprender novas línguas e principalmente AMADURECER, sabe por quê? Porque dói!


É escolher não estar presente nos momentos mais memoráveis ou difíceis daqueles que você ama. É escolher estar onde ninguém o conhece ou o valoriza pela história dos seus antepassados e ter o trabalho triplicado para mostrar ao mundo quem verdadeiramente você é. É conquistar cada uma das coisas na raça mesmo, sem ninguém para lhe proteger ou dizer que o conhece ou o aprova de algum lado. Ou que sabe quem você é baseado no seu sobrenome ou em algum conhecido da sua família.


É sobre mérito atrás de mérito. É sobre não ter a quem recorrer quando as coisas não saem como você esperava. É sentir medo e não ter outra opção que não seja dormir na certeza que tudo passa depois de uma noite de sono. É aproveitar os sonhos para abraçar pessoas amadas. É cantar parabéns por facetime. É aprender mesmo de verdade que TUDO, TUDO é passageiro, momentos ruins e momentos bons. É sobre ficar doente e ter que fazer a própria sopa. É sobre não ficar doente, porque não tem tempo para isso ou apenas porque vem uma força muito grande de dentro da alma que lhe cura de resfriados bobos antes mesmo deles chegarem. É se aproximar de verdade dos seus anjos da guarda. É sobre descobertas difíceis, mas muito prazerosas.


Quando eu mostro aqui aquilo que deu certo para mim e tento lhe passar algumas dicas para a sua vida, coloque bastante tempestade no meio das minhas histórias porque elas existem e muito! Mas coloque também boas pitadas de fé, esperança e amor. Eu não vou conquistar tudo o que eu desejo, eu já estou conquistando, porque aprendi a posicionar-me desta forma, porque aprendi a não esperar mais pelo grande dia, porque percebi que não depende do outro, não depende de nenhuma circunstância externa e todo dia é o grande dia.


Está tudo aqui e sempre esteve. Simples, né? As coisas mais simples são as mais difíceis de enxergar.


Não é sobre comodismo, muito pelo contrário. É sobre parar de esperar, parar de se vitimizar e fazer acontecer. Agarrar as rédeas da vida e criar a própria realidade.

É sobre muito trabalho porque nada acontece do além. Tudo que colhemos é fruto do que semeamos.


A cada vitória exposta nas redes sociais existiu muita história. Eu faço muito sucesso porque eu estou muito feliz e tranquila na caminhada que escolhi. Ora esbarro em pedras e ora encontro belezas exuberantes.


Beijos de luz

0 visualização

© 2023 por Tipo Diva Blog | Orgulhosamente criado com Wix.com

  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon
  • White YouTube Icon
  • Branca Ícone LinkedIn
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now